Fomento
05/10/2017, 03:26

Secretaria da Cultura do Estado lança programa de desenvolvimento do audiovisual paulista

O secretário da cultura do Estado de São Paulo, José Luiz Penna, recebeu profissionais ligados ao audiovisual para apresentar um conjunto de ações voltadas à produção audiovisual paulista. Batizado de "Filma São Paulo", o programa inclui novidades em toda a cadeia de produção do audiovisual – do desenvolvimento à distribuição das obras.

Penna assinou a resolução nº 50, de 29 de setembro de 2017, que formaliza o Programa de Fomento ao Cinema Paulista e regulamenta o aporte de incentivo fiscal das empresas estatais na produção e finalização de projetos cinematográficos de longa-metragem. A resolução é válida também para outras empresas, de natureza pública ou privada, que queiram aportar recursos incentivados no Programa de Fomento ao Cinema Paulista.

O incentivo fiscal via estatais já vinha sendo realizado desde a criação do programa, em 2003. No entanto, a assinatura da resolução formaliza e garante verba para os próximos anos.

Film Commission

Penna também anunciou a criação de uma Film Commission que tem o objetivo de colocar as cidades de São Paulo como vitrine para produções internacionais. Os municípios interessados em integrar a Film Commission deverão se inscrever em chamamento público e criar incentivos para a produção, que podem ser desde alimentação, hospedagem e transporte até recursos financeiros.

Circuito de Cinema Paulista

A etapa de distribuição e difusão das obras cinematográficas produzidas com patrocínio do Governo do Estado ganha novo impulso com o "Filma São Paulo". Em parceria com a Spcine, que ajudará a compor a programação, os auditórios do MIS-SP, Memorial da América Latina, Biblioteca de São Paulo e Biblioteca Parque Villa-Lobos, instituições do Governo do Estado de São Paulo, receberão o "Circuito de Cinema Paulista", programação de filmes com ingressos gratuitos ou a preços populares. Com isso, a Secretaria da Cultura do Estado passa a integrar o circuito Spcine, rede de salas de cinema da Prefeitura de São Paulo.

Comentários

3 Comentários

  1. sonia santana disse:

    Esta ação deveria ter ocorrido junto com criação da SP CINE.. Mais uma FILM COMISSION pra que? Pra dividir??
    Ja temos a SPFILM COMISSION que organizou a cidade de Sao Paulo para filmagens.

  2. Caia amoroso disse:

    Parabens gostei demais
    Que renda ótimos filmes

  3. Marcus Cardeliquio disse:

    Penso que o começo de qualquer produção é um roteiro. Precisamos de ações que estimulem a criação de roteiros. Concursos, cursos, palestras, bancos de roteiros e etc. O principal estímulo para a viabilização de um filme é a paixão por um bom roteiro.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top