IV Fórum Brasil
06/05/2003, 18:16

Para Marcondes, redes devem rever modelo de negócios

POR REDAÇÃO

No painel "O mercado independente", realizado durante o primeiro dia do IV Fórum Brasil de Programação e Produção, nesta terça, 6, Marco Aurélio Marcondes, diretor da Europa Filmes e da MA Marcondes, disse acreditar que o custo alto de se produzir praticamente toda a programação nas próprias emissora deve levar a uma mudança no modelo de negócios das redes de TV. Segundo ele, fatalmente as redes terão de procurar os produtores independentes.
Já o diretor de programação da Rede Record, Hélio Vargas, defendeu a sustentação do mercado de produção por um tripé formado por produtoras, veículos exibidores e anunciantes. Vargas também disse estar procurando por uma novela produzida independentemente para a rede. Segundo o diretor de programação há demanda para o produto, mas a Record já tem sua infra-estrutura tomada por outros projetos.

Tamanho do mercado

Júlio Worcman, diretor-presidente da Synapse Produções, acredita que, com o tamanho do mercado brasileiro, a produção independente dos meios de distribuição só seria viável se "proibissem a produção interna das redes". De outra maneira, somente alguns formatos se viablizam. Novela, por exemplo, "só são possíveis se produzidas em escala".
Também sobre o tamanho do mercado, Wilson Cunha, diretor dos canais Multishow e Canal Brasil, defendeu que, sem o crescimento do bolo publicitário e da economia como um todo, não há espaço para a produção independente.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top