TV pública
06/08/2008, 18:12

Rede de intercâmbio de conteúdo fica pronta este mês

POR FERNANDO LAUTERJUNG

A distribuição do conteúdo da TV Brasil para as emissoras afiliadas não é tão simples como nas redes comerciais. Isto porque a idéia é que as afiliadas troquem conteúdos entre si e a grade não é imposta de forma tão rígida às afiliadas. Portanto, a simples distribuição por satélite, da cabeça de rede para as afiliadas, não resolveria a questão.
A solução, financiada pela TV Brasil, é o projeto Rede de Intercâmbio de TV Pública (RITVp), que deve começar a funcionar no dia 8 de agosto. As seis primeiras cidades que participam do projeto se conectarão através da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), instituição que administra a rede acadêmica brasileira. O projeto interligará as TVs educativas do Rio de Janeiro, São Paulo, São Luís (MA), Brasília (DF), Salvador (BA) e Belém (PA) para transferência de conteúdos audiovisuais.
A Telefônica foi selecionada para fornecer o link em São Paulo. Para Rio, Brasília, Salvador, São Luís e Belém, a Oi fará a ligação das emissoras da TV Brasil e as educativas com a RNP.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top