Cinema
10/03/2010, 17:58

É tudo verdade anuncia primeira seleção nacional

POR REDAÇÃO

O É Tudo Verdade – Festival Internacional de Documentários, evento que acontece de 8 a 18 de abril em São Paulo e de 9 a 18 de abril no Rio de Janeiro, divulgou a primeira relação de documentários selecionados para a 15ª edição. São quinze produções inéditas. Estarão na competição de longas e médias-metragens, que premiará o vencedor com o Prêmio CPFL Energia/ É Tudo Verdade no valor de R$ 100 mil, os filmes "Arquitetos do Poder" (Vicente Ferraz e Alessandra Aldé), "O Contestado – Restos Mortais", de Sylvio Back, "Eu, o Vinil e o Resto do Mundo" (Lila Rodrigues e Karina Ades), "Fora de Campo" (Adirley Queirós), "Manual Prático de Como Ter Sucesso na Política Brasileira" (Felipe Lacerda), "Programa Casé – O que a Gente Não Iventa, Não Existe", de Estevão Ciavatta, "Terra Deu, Terra Come" (Rodrigo Siqueira). "No Meio do Rio, Entre as Árvores", de Jorge Bodanzky, será exibido na sessão de programas especiais. Dois médias-metragens brasileiros, "Doce Brasil Holandês" (Mônica Schmiedt) e "Sobre Rios e Córregos" (Camilo Tavares), terão sua première dentro da mostra informativa O Estado das Coisas.
Para a sessão de curtas, que tem em disputa um prêmio em dinheiro no valor de R$ 6 mil, foram anunciados "Bar da Estação" (Leonardo Ayres Furtado), "Bernnô" (Pedro Gorski), "Mãos de Outubro" (Vitor Souza Lima), "Querida Mãe" (Patrícia Cornils), "Xetá" (Fernando Severo), "Karl Marx Way" (Flávia Guerra e Maurício Osaki), "Antecedências" (Alice Villela e Hidalgo Romero), "As Aventuras de Paulo Bruscky" (Gabriel Mascaro) e "Se Meu Pai Fosse de Pedra" (Maria Camargo".
As entradas para as sessões serão gratuitas. Outros títulos nacionais e a seleção internacional serão anunciados nos próximos dias.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top