Política audiovisual
13/05/2003, 17:25

Cineastas e MinC devem se reunir na próxima semana

POR REDAÇÃO

Ainda sem data definida, deve acontecer em breve uma reunião entre cineastas e Ministério da Cultura. Segundo Assunção Hernandez, presidente do Congresso Brasileiro de Cinema (CBC), a reunião só acontecerá graças ao documento que contou com a assinatura de cineastas desautorizando a representatividade de Cacá Diegues e Luiz Carlos Barreto. "As pessoas falavam em nome do cinema brasileiro sem constrangimento algum. Estamos há três anos batalhando para criar uma interlocução com a classe e, com a troca de governo, alguns grupos pensaram que poderiam voltar a manifestar-se em nome do cinema sem ao menos ouvir os envolvidos antes. Esse texto foi um grito de alerta", diz Assunção. Ainda segundo a presidente do CBC, apesar de concordar com a reunião, o MinC não abrirá mão de ouvir personalidades para definir políticas culturais.

Brasília

Para evitar que grupos de determinadas regiões tenham maior participação nos debates, cineastas e MinC chegaram ao consenso de que as reuniões referentes ao audiovisual debatendo assuntos com abrangência nacional devem, de agora em diante, acontecer em Brasília, e não mais no Rio de Janeiro.
A reunião estava marcada, a princípio, para esta semana, mas por problemas na agenda do MinC ficou para a próxima semana. Participarão do encontro o ministro Gilberto Gil, o secretário executivo do MinC, Juca Ferreira; Assunção Hernandez, representando o CBC; dirigentes das diversas entidades ligadas ao CBC, e ainda nomes de destaque na elaboração do documento que exigiu maior participação dos cineastas nas discussões do audiovisual junto ao governo.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top