Mipcom
17/10/2005, 15:58

Para Globo, prêmios ajudariam a alavancar vendas

POR REDAÇÃO

Ricardo Scalamandré, diretor da divisão internacional da TV Globo, conta que a indicação dos produtos da emissora ao Emmy Internacional, como o prêmio de ator para Douglas Silva, de "Cidade dos Homens", pode ajudar ainda mais a venda da minissérie, que já vinha tendo um bom desempenho (em especial na Europa), já tendo sido vendida para 40 países. Outra finalista, "Hoje é Dia de Maria" (nas categorias atriz e minissérie), também está nos planos da Globo para exportação. No entanto, será necessário fazer uma nova edição do material, em especial para a Europa, com a atração sendo compilada em dois capítulos de duas horas cada.

Novelas

O executivo conta que o desempenho das suas novelas no ranking dos screenings – sessão de exibição aos compradores, sem interferência da produtora do conteúdo – foi acima do esperado, uma vez que as obras já tinham sido apresentadas ao mercado no evento do ano passado. "Nossa estratégia foi colocar durante o ano todo ao mercado um total de nove produtos", conta ele, que vendeu "Da Cor do Pecado" para mais de 30 países; e "Senhora do Destino", para mais de 20. A Globo vende anualmente 26 mil horas de produções e, segundo Scalamandré, registrou um alcance médio diário de suas novelas de 100 milhões de pessoas – fora o público do Brasil. "Nos últimos cinco anos, foi um crescimento de 85% em volume de horas vendidas", afirma.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top