Festivais
18/07/2005, 18:59

Anima Mundi termina no Rio e chega a São Paulo

POR REDAÇÃO

Acabou neste domingo, 17, a etapa carioca do Anima Mundi, que reuniu em nove dias mais de 60 mil pessoas. O festival exibiu 369 filmes de 41 países e homenageou o animador e ilustrador brasileiro Rui de Oliveira, um dos pioneiros do vídeo-grafismo no país.
A Mostra Competitiva premiou diversos filmes de animação. O Júri Popular carioca elegeu o Argentino "Viaje a Marte", de Juan Pablo Zaramella, e "Alosha Popovich i Tugarin Zmey", do russo Konstantin Bronzit, melhor curta e longa-metragem do festival, respectivamente. O troféu de melhor animação brasileira ficou para "O Boto", de Humberto Avelar, e, entre os infantis, o francês "O Hipo e o Cão" (Pat & Stanley), de Pierre Coffin.
Na categoria Portifólio, na qual concorrem filmes publicitários e videoclipes, o eleito foi "Abba to Zappa", da produtora britânica Smith & Foulkes. Entre os filmes realizados por estudantes (sessão Animação em Curso) o primeiro lugar foi para o alemão "Weihnachtsessen", de Elmar Weinhold e Andreas Menck. Na categoria primeira animação, que premia animadores estreantes, o escolhido pelo público foi "Agricultural Report", da irlandesa Melina Sydney Pádua. Os júris Popular e Profissional também elegeram os melhores do Anima Mundi Web ( www.animamundiweb.com.br), concurso paralelo voltado para animações em flash feitas para Internet. "O Homem no Metrô" e "3 Feathers and a Rainworm" (3 Penas e 1 minhoca), de Igor Coric, da Sérvia e Montenegro levaram o grande prêmio de cada Júri, respectivamente.
A etapa São Paulo do Anima Mundi começa nesta quarta-feira, dia 20 e vai até o domingo, dia 24 de julho, no Memorial da América Latina, na Barra Funda. Nela, o Júri Popular paulistano e o Júri Profissional vão escolher seus filmes preferidos.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top