Regulamentação
26/08/2005, 20:11

Conselho Superior de Cinema deve ter encontro em setembro

POR FERNANDO LAUTERJUNG

Segundo o secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura, Orlando Senna, "a questão da Ancinav está caminhando, não podemos deixar que pensem que abandonamos isso". Senna disse ainda que o Conselho Superior do Cinema (CSC) deverá se reunir ainda setembro para retomar seus trabalhos. O secretário falou durante um debate sobre a afirmação das políticas audiovisuais, no Encontro Nacional da ABD (Associação Brasileira de Documentaristas e Curta-Metragistas), dentro da programação do Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo.
Como esclareceu o diretor da Ancine Manoel Rangel após o discurso do secretário do Audiovisual, não haverá uma retomada do projeto da Ancinav, mas apenas da discussão de mecanismos que estavam contemplados no projeto de transformação da Ancine em Ancinav. Rangel enumerou algumas das questões do antigo projeto da Ancinav que entrarão na pauta do CSC. Entre elas estão a extensão do Artigo 3º da Lei do Audiovisual para a televisão, a renovação da Lei do Audiovisual e melhorias nos Funcines. Segundo ele, com o fim do projeto de criação de novos Condecines, há um "melhor entendimento" no setor para discutir este temas.

Novos fundos

Outro tema que deve entrar na pauta do CSC é a criação de um fundo público para o setor audiovisual. Segundo Manoel Rangel, esse fundo seria alimentado pela Condecine já existente, pela parcela da Ancine no Fistel e talvez até por uma porcentagem do Fust, conforme proposto pelo CSC durante as discussões sobre a Ancinav.
Rangel prometeu ainda, para breve, "mudanças que permitirão alavancar os Funcines".
Participaram ainda do evento, que aconteceu na tarde desta sexta, 26, o diretor de patrocínios da Secom, Leopoldo Nunes, e o presidente nacional da ABD, Marcelo Lafitte, que definiu o evento como "um encontro entre amigos".

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top