Radiodifusão
27/05/2015, 20:41

Anatel pode antecipar 4G em 700 MHz antes do switch-off no Norte

POR LÚCIA BERBERT

Anatel, radiodifusores e teles vão testar a convivência do LTE com a TV analógica. Caso os resultados sejam positivos, poderão facilitar a antecipação da implantação da 4G na frequência de 700 MHz em cidades da região Norte, por exemplo, onde existe folga na faixa da TV digital, antes mesmo do switch-off.

As diretrizes para a realização desses testes foram aprovadas na reunião desta quarta-feira, 27, do Gired – grupo de implantação da digitalização da TV. Segundo o presidente do grupo, Rodrigo Zerbone, os testes de interferência entre a TV e a tecnologia 4G se resumiram ao sinal digital.

Para a realização dos testes, os canais analógicos serão transferidos para a parte alta da faixa. As demais decisões sobre os testes estão sendo tratadas pelos grupos técnicos de Remanejamento e de Recepção do Gired.

Pesquisa

Na reunião de hoje do Gired também foram definidas algumas questões sobre as pesquisas que serão realizadas para comprovar o atingimento do percentual de 93% dos telespectadores aptos a receber o sinal digital. Ficou decidido que as entrevistas de aferição serão realizadas pessoalmente, face a face, por domicílio, conforme previsto na metodologia da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mas incluindo algumas questões específicas.

O intervalo de confiança (nível de confiança) a ser considerado no planejamento amostral da pesquisa é de 95% e a margem de erro a ser utilizada é de no máximo três pontos percentuais (p.p.) para a aferição da meta de 93%. Sobre as amostras, as decisões definitivas ficaram para as próximas reuniões.

Para a definição das amostras, no entanto, ficou decidido em reunião anterior, que serão consideradas as pessoas que assistem TV aberta combinada com canais pagos ou por parabólica. As pessoas que assistem aos canais abertos exclusivamente TV por assinatura ou por parabólica não serão incluídas nas amostras porque não serão impactadas com o desligamento do sinal analógico, entende o Gired.

O resultado da primeira pesquisa de aferição deverá ser divulgado antes do início da contagem regressiva de 60 dias para o fim das transmissões analógicas, prevista na Portaria MC nº 3.205/2014 e atualizações. Nas primeiras três cidades (Rio Verde/GO, Brasília e São Paulo), a recomendação do Gired é para se fazer fases de pesquisas bem antes dos 60 dias, para que sejam possíveis alguns ajustes.

Antenas

Outra decisão do Gired foi distribuir também antenas internas e não só externas, como determina a portaria do Ministério das Comunicações. Esses equipamentos, mais baratos, poderão ser usados em cidades com amplo espaço no espectro ou onde há dificuldades para instalação de antenas externas. Em 2016, as antenas externas que serão distribuídas estarão aptas a receber os canais em UHF e VHF.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top