Exibição
28/10/2003, 12:17

Cinemark promove dia do cinema nacional

POR REDAÇÃO

A Cinemark, maior rede de cinemas do Brasil e terceira dos Estados Unidos, anunciou que fará seu ?IV Projeta Brasil Cinemark? na próxima segunda-feira, dia 3 de novembro. Neste dia, a programação das 264 salas da rede será composta por filmes nacionais. Segundo a rede, toda a renda arrecada é revertida para projetos de incentivo à produção nacional. Com a renda arrecadada em 2002, a Cinemark investiu na premiação de filmes eleitos pelo júri popular, no Festival de Gramado, no Festival de Brasília e no Festival do Rio. A rede espera de 150 mil a 200 mil espectadores num único dia.

Seleção

Confira os filmes que serão exibidos no Projeta Brasil Cinemark:

– "Madame Satã", de Karin Ainouz;
– "Os Normais", de José Alvarenga Jr.;
– "Xuxa e os Duendes 2", de Rogério Gomes e Paulo César de Almeida;
– "O Homem do ano", de José Henrique Fonseca
– "Dom", de Moacyr Góes;
– "Ilha Ratimbum em O Martelo de Vulcano", de Eliana Fonseca;
– "Dois perdidos numa noite suja", de José Joffily;
– "Carandiru", de Hector Babenco;
– "Desmundo", de Alain Fresnot;
– "O homem que copiava", de Jorge Furtado;
– "Didi, o cupido trapalhão", de Paulo Aragão e Alexandre Boury;
– "Caminho das Nuvens", de Vicente Amorim;
– "Deus é Brasileiro", de Cacá Diegues;
– "Maria, a mãe do filho de Deus", de Moacyr Góes;
– "Separações", de Domingos Oliveira;
– "Aleijadinho", de Geraldo Pereira;
– "Amarelo Manga", de Cláudio Assis;
– "Apolônio Brasil", de Hugo Carvana;
– "Ônibus 174", de José Padilha;
– "Cristina quer casar", de Luiz Villaça;
– "Lisbela e o Prisioneiro", de Guel Arraes;
– "Durval Discos", de Ana Muylaert;
– "Seja o que Deus quiser", de Roberto Drummond;
– "Paulinho da Viola – Meu tempo é agora", de Izabel Jaguaribe.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top