Mercado
28/11/2012, 19:17

Cristal Líquido investe em seu canal nos Estados Unidos

POR BRUNO BORIN

No ar desde março deste ano, a BR TV – emissora de TV aberta de conteúdo 100% brasileiro operando nos Estados Unidos – ainda tem bastante para crescer. É o que afirma Thor Medeiros, presidente da produtora de conteúdo Cristal Líquido Studios no Brasil, que está de mudança para o País justamente para cuidar das operações da emissora.

Até então como CEO da Cristal Líquido Studios no Brasil, Medeiros deixou o cargo – que passou a ser assumido por Marcelo Braga, produtor executivo da Cristal. Desde maio na produtora, Braga já mantém uma relação com Medeiros desde o início dos anos 2000, quando os dois trabalharam juntos no Grupo Mixer. O profissional ficará responsável pelas operações da Cristal no Brasil: “Esta transição para CEO já estava programada, era só uma questão de tempo de ajuste, para alinhar pensamentos”, afirma Medeiros.

Sediada em Orlando, hoje a BRTV alcança 30% do Estado da Flórida, e tem todo seu conteúdo em português legendado em inglês. Segundo Medeiros, o objetivo da emissora é levar o melhor do Brasil para o público norte-americano, além de dar conforto para os brasileiros residentes no País. “E não tem lugar melhor para montar um canal de TV e falar bem do Brasil do que em Orlando, onde passam pessoas do mundo inteiro”, acrescenta.

Medeiros ainda afirma que seus objetivos com a mudança para os EUA são “alavancar novos negócios, expandir o canal e trazer produções norte-americanas para o Brasil”: “Quero mostrar que o Brasil é um polo de produção muito grande, e que os estrangeiros podem vir pra cá sem medo, que o trabalho é sério”, afirma, deixando claro que também pretende abrir novas frentes para a Cristal Líquido do Brasil via sua sede nos EUA.

E, com a chegada de novos anunciantes e contratos – como, por exemplo, a Câmara do Comércio Brasil/EUA – o canal, que logo dará início a seu processo de expansão, precisava de uma operação mais presente: “Minha mudança do Brasil tem como objetivo começar a movimentação de expandir o canal para o País inteiro, gradativamente”, conclui Medeiros.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top