Política audiovisual
01/10/2003, 17:28

MinC anuncia a criação de film comissions

POR FERNANDO LAUTERJUNG

Foi apresentado pelo Ministério da Cultura e pelo Ministério do Turismo durante o rioseminars, que acontece até o dia 8 de outubro, no Rio de Janeiro, o projeto Brazilian Film Comission. O projeto foi apresentado pelo chefe de gabinete e ministro interino do MinC, Sergio Sá Leitão; pelo chefe de gabinete da Secretaria para o Desenvolvimento das Artes Audiovisuais do Minc, Leopoldo Nunes; e pelo secretário de políticas públicas do Ministério do Turismo, Milton Zuanazzi.
O Brazilian Film Comission prevê a criação de instituições voltadas à promoção de regiões brasileiras e do País como locação e fornecedor de infra-estrutura e mão de obra para produções nacionais e internacionais, visando aumentar o turismo e a produção audiovisual no Brasil. A ação reúne, além dos ministérios da Cultura e do Turismo, o Ministério da Integração Nacional, o Ministério de Relações Exteriores, governos federal, estaduais e municipais, entidades privadas de cultura e turismo entidades representrativas e agências reguladoras.
Segundo Sá Leitão, o governo quer estimular a criação de film comissions em todo o País, em níveis municipal, estadual e federal. Os recursos, ainda segundo o ministro interino, virão do governo federal, através de ministérios e agências, governos estaduais e municipais e ainda de instituições privadas, quando possível. No futuro, espera-se que as film comissions tornem-se autosustentáveis, arrecadando taxas sobre produções audiovisuais e sobre o turismo.
O trabalho das film comissions será o de criar normas e procedimentos referentes à produção audiovisual, catalogar fatores de atração em sua região, promover e divulgar a região atuando como uma espécie de birô, e ainda monitorar resultados e incentivar o desenvolvimento da infra-estrutura existente. Vale lembrar que hoje parte dessas funções, sobretudo em relação a autorizações para uso da imagem do Brasil, cabem à Ancine, o que coloca um provável conflito de competências a ser resolvido.
Sá Leitão afirmou ainda será criado um grupo de trabalho interministerial, que deve ser anunciado na próxima segunda-feira, que terá três meses para apontar metas e cenários, reunir recursos, desenhar o modelo institucional e operacional das film comissions, criar um cronograma e deslanchar um plano de ação. As primeiras film comissions deverão começar a funcionar já no início de 2004.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top