OUTROS DESTAQUES
Muita demora pode afastar investidores aos editais de cabo e MMDS
quarta-feira, 03 de setembro de 1997 , 22h20 | POR REDAÇÃO

Executivo de um grupo de investimento disse que o processo de outorgas no setor de TV por assinatura deve demorar, "na hipótese mais otimista", de seis a sete meses. Nos seus cálculos, a entrega de documentação dos interessados deve ficar para fim de dezembro ou início de janeiro. "Isso já está desestimulando investidores estrangeiros que querem datas para planejar as aplicações", garante ele. A exemplo do que já disseram os grupos brasileiros, o mesmo executivo diz que os investidores estrangeiros também fazem ressalvas sobre o número de concessões por cidades. "Eles querem saber exatamente quantas concessões de cabo e quantas de MMDS serão dadas e as datas de cada concorrência para poder avaliar o risco".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top