OUTROS DESTAQUES
Fornecedores
Motorola mantém planos para o Brasil
terça-feira, 04 de maio de 2004 , 19h47 | POR REDAÇÃO

A decisão da Net Serviços pela plataforma DVB em seu processo de digitalização teve, é claro, um impacto significativo para a Motorola, que apostava algumas fichas na conquista desse contrato com a maior operadora de cabo da América Latina. Mas não foi suficiente para que a empresa desistisse do Brasil. Pelo contrário, a direção da empresa garante a esse noticiário que manterá a estrutura existente e a oferta de produtos. Não existe um produto específico que a empresa pretenda explorar no Brasil, ainda que a principal aposta para a América Latina seja no crescimento dos serviços de telefonia por IP sobre redes de cabo.
A Motorola, durante o processo de negociação com a Net, buscou mostrar que sua plataforma, apesar de ser proprietária, não é restrita a apenas um fornecedor. Hoje existe uma série de fornecedores de decoders, softwares e aplicações que trabalham com a tecnologia de digitalização da Motorola. Em relação à escala, a empresa tem a maior base instalada nos EUA. Por essa razão, não faria sentido comparar uma eventual decisão pela tecnologia de digitalização da Motorola com o que foi a decisão pela tecnologia de cable modems proprietária da Terayon que a Net adotou em 1998. A Terayon não tinha escala naquela ocasião, o que definitivamente não é o caso da Motorola.
De qualquer maneira, a empresa deve manter no Brasil a oferta de produtos existentes (inclusive as soluções digitais), com destaque para os produtos de transmissão de dados DOCSIS e para as soluções VoIP. Sobre a hipótese de trazer ao mercado brasileiro as caixas DVB comercializadas pela Motorola na Europa, é provável que isso aconteça, com a restrição de que para isso será necessário adaptar a tecnologia, baseada em canais de 8 MHz, para o que se pratica no Brasil (canais de 6 MHz). Não é a melhor alternativa, na opinião da Motorola, já que sua solução proprietária tem, segundo a empresa, escala e é segura contra pirataria.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top