Fórum Brasil de Televisão
04/06/2013, 19:18

Mercado investidor presta mais atenção na produção audiovisual com a Lei do SeAC

POR ANA CAROLINA BARBOSA

Christian de Castro, consultor para mídia, entretenimento e conteúdo da Associação Brasileira de Private Equity e Venture Capital (ABVCAP), afirma que o mercado investidor está olhando com bastante curiosidade para o mercado de produção audiovisual devido às oportunidades para o setor que apareceram com a Lei do SeAC, que cria regras para o setor de TV por assinatura, estabelecendo cotas de produção indepente nacional nos canais internacionais. "Aqui dá para produzir uma série inteira com o mesmo valor de um piloto do mercado americano e ainda testar internamente o conceito para levar para o mercado internacional", observa Castro.

O consultor destaca que embora haja interesse, as produtoras precisam aprender a "fazer contas" e estruturar seus planos de negócio de uma maneira que faça sentido para o investidor. Ainda em junho, Castro apresentará as propostas de uma parceria que vem sendo costurada com a Associação Brasileira dos Produtores Independentes de Televisão (ABPI-TV) para capacitar os associados na formatação destes projetos e de como pensar na indústria sem depender essencialmente de recursos públicos.

Castro participou do Fórum Brasil de Televisão, evento que a Converge Comunicações promove em São Paulo nos dias 4 e 5 de junho.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top