OUTROS DESTAQUES
Novos números da Globo Cabo
quarta-feira, 05 de maio de 1999 , 22h19 | POR REDAÇÃO

A conferência para divulgação do balanço da Globo Cabo referente ao primeiro trimestre deste ano está marcada para o próximo dia 17 de maio, uma segunda-feira. O mais provável é que a base de assinantes mostre novamente um decréscimo. A situação não deverá ser muito melhor no segundo trimestre, devido ao impacto do aumento médio de 11% nas mensalidades. Só se espera recuperação a partir de julho, com a provável recuperação da atividade econômica. Apesar de algumas ações de assinantes na Justiça (e das liminares concedidas) a Globo Cabo não vai recuar do aumento médio de 11% nos seus serviços. Fonte da empresa assegura que esse percentual não é suficiente para compensar a perda com a desvalorização do real, que afetou em cheio 33% dos custos da empresa, que são dolarizados. Ao aumento de preços, também foram somadas a redução de gastos com vendas e com funcionários (um enxugamento de 17% da folha). A diferença remanescente deve ser compensada com uma diminuição do custo de programação, que está sendo discutido com as programadoras. De acordo com outras fontes da empresa, o índice de reclamações nos call centers das operações Net em função dos aumentos de mensalidade foi muito inferior ao inicialmente esperado, e boa parte dos órgãos de defesa do consumidor das localidades chegou a dar o aval para o reajuste.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top