OUTROS DESTAQUES
Globo considera TV a cabo comunicação social
quarta-feira, 05 de dezembro de 2001 , 22h20 | POR REDAÇÃO

Para Evandro Guimarães, vice-presidente das Organizações Globo e diretor da Abert, "TV a cabo é comunicação social" e, portanto, precisa estar sujeita às mesmas obrigações constitucionais da televisão aberta. "A posição da Globo como proprietária de rádios e TVs abertas é a mesma da Abert. Somos contra a ampliação do limite de capital estrangeiro no cabo. Mas o grupo acata a decisão da ABTA, apesar de ter votado contra". Evandro Guimarães lembra que hoje, com permissão para que 49% de capital estrangeiro participe de empresas de cabo, a Globo Cabo consegue ter sócios estrangeiros e ter capital aberto em bolsa. "A Lei do Cabo merece uma revisão em um conjunto de itens bastante grande, em outros pontos que limitam o crescimento do setor. Não na questão do capital", completou o executivo aos senadores.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top