Mercado
06/05/2003, 14:15

TVs e MinC negociam descontos para promoção de obras independentes

POR REDAÇÃO

O Ministério da Cultura não quer deixar de lado o papel da TV aberta no fomento da produção audiovisual independente. Segundo apurou este noticiário, estão em desenvolvimento conversas entre o MinC e as redes de TV para chegar a um acordo sobre a taxação de 2% da receita das redes de TV. A idéia de taxar as redes existia no projeto original da Ancine e foi retirado na última hora por pressão das redes de TV. Nesse momento, segundo informações de interlocutores próximos ao debate, a idéia é trocar o que seria uma taxação de 2% por descontos, a custo de tabela de publicidade, para a divulgação de produções cinematográficas nacionais. Outra contrapartida seria a obrigatoriedade de exibição pelas redes abertas, pelo menos uma vez por semana, de uma obra cinematográfica nacional.
Representantes das redes de TV, contudo, consideram importante que o governo veja que hoje toda produção própria das emissoras é bancada com recursos próprios e sem nenhuma política de fomento.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top