Conteúdo
06/09/2017, 00:10

CinebrasilTV busca séries de ficção, documentários e longas

"Preciso de projetos autorais, com densidade, paixão e alma. Uma versão rica da realidade brasileira", disse Maria Rita Nepomuceno, coordenadora de licenciamento do canal CinebrasilTV, em entrevista ao canal do Youtube Imprensa Mahon. É ela quem seleciona os projetos para produção, e diz precisar de documentários investigativos, formato longa-metragem, e de séries ficcionais. "Queremos muito séries de ficção, temos 14 em andamento no Prodav (linha do Fundo Setorial do Audiovisual). É um diferencial do canal permitir liberdade autoral na ficção. Procuramos realidade brasileira não maquiada, realismo, questões ligadas a diferentes classes sociais e também questões de gênero", explica.

Uma parceria do CinebrasilTV com a France Presse possibilita que as produtoras usem materiais da grande mídia para discutir, de forma autoral, eventos políticos e aspectos pouco conhecidos da história do Brasil.

O site do canal permite enviar projetos. "Pedimos tudo o que a Ancine pede no formulário do Prodav 1: roteiro, quando é longa de ficção, ou a estrutura de abordagem do primeiro episódio da série; o orçamento descritivo, para termos algum jogo para saber onde se está botando o dinheiro, e se tiver que enxugar, onde enxugar. Queremos ver seus trabalhos anteriores, basicamente para ver se você sabe do que está falando", diz.

Nepomuceno avisa: "Não queremos nada educativo, nem de turismo. Também não queremos conteúdo para 18 anos. Somos um canal familiar, trabalhamos com 14 anos no máximo. Drama a gente até dá uma flexibilizada, mas caso a caso."

Comentários

4 Comentários

  1. Guilherme disse:

    (…)
    "…Queremos ver seus trabalhos anteriores, basicamente para ver se você sabe do que está falando"

    Acho engraçado esse pessoal das produtoras e canais. Todos dizem estar atrás de bons produtos, mas se autor do projeto já não for alguém com experiência, simplesmente jogam na lata do lixo o material, sem sequer se dar ao trabalho de analisar. Fala sério. He-llowww…..sem que alguém dê a primeira chance ao profissional, jamais ele conseguirá montar um portfólio.

    • Camila Cecílio Tada disse:

      Nem sempre pode se ver o que a pessoa tem, por ela não ter cido guiada por pessoas que a ajudariam, as coisas não acontecem como nós queremos, mas tentamos fazer de tudo para acontecer, e de tanto nos iludirmos as coisas perdem o brilho e a cor, muitos nos tempos de hoje como no de antes tem seus sonhos quebrados com a realidade. As pessoas se cansam e aceitam triste mente o que é posto para que não possam voar nesse mundo, onde o ódio, a raiva, e o medo são cultivados aos poucos, e as flores crescem amargas e é apenas esses frutos que se podem dar as próximas gerações. Será que minhas histórias mudariam alguma coisa? Eu só quero alertar de onde vem o problema, que é exatamente onde nós somos todos feridos que é sempre na nossa alma que um dia foi pura e amorosa com todos.
      Queria ser uma mensageira, mas eu preciso de ajuda para poder entregar as minhas mensagens.

  2. Sou Camila Tada, eu sou o que vocês procuram! Eu tenho Histórias para curta, jogos e principalmente para longa metragem no total são 18 histórias que eu tenho com um desenvolvimento completo, sei que elas irão mudar o mundo e eu estou ESPERANDO O MOMENTO CERTO PARA COMPARTILHAR, elas são apenas conhecidas por códigos que só eu entendo, eu. Não escrevo porque alguém pode roubar as minhas histórias. Eu sou de Rondônia nasci 24/12/1998, Sou adotada e agora estou cursando faculdade de design de animação em Joinville sem meus parentes próximos de mim, estou esperando aqui ansiosa por alguma oportunidade. Eu apenas quero terminar a minha faculdade para garantir um diploma e ter base para o meu futuro, mas eu estou aberta a qualquer possibilidade que vier. Estou na esperança de vocês alcançarem o meu brilho na multidão.https://www.artstation.com/camilatada

  3. O que mais sei fazer é criar projetos em vários formatos, mas na hora de realizar vem o indefectivel requisito: ser autor com trabalhos realizados.
    Até quando, minha gente, vão deixar as oportunidades nas mãos dos mesmos de sempre? Abs

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top