OUTROS DESTAQUES
Emissora-piloto
Opiniões são divergentes sobre a utilidade do projeto
quarta-feira, 08 de maio de 2002 , 20h34 | POR REDAÇÃO

Nem todos acolheram de braços abertos a idéia da emissora-piloto lançada pela SET. Algumas empresas, como a Embratel, já dispõem de centros próprios de pesquisa. Outros acreditam que a colaboração mútua entre indústrias ou empresas concorrentes não é cabível comercialmente. Outros ainda dizem que se gastará muito dinheiro para uma estrutura de vida curta. E as emissoras de menor porte não teriam como bancar os custos da estrutura para suas pesquisas, sendo muito mais fácil copiar e adaptar os cases bem-sucedidos das líderes no período de transição analógico/digital.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top