TV.Apps
08/11/2012, 21:57

TV conectada ainda precisa ganhar relevância para atrair publicidade

POR ANA CAROLINA BARBOSA

Para a vice-presidente de atendimento da agência Click Isobar, Ana Nubie, as TVs conectadas ainda não mostraram grandes atrativos para os investimentos dos anunciantes. Ela explica que falta “perfume” à plataforma, o que desperta o desejo nas pessoas de comprar. “Eu acho que a indústria tem que se reinventar. Não o produto, mas o que ela entrega e como ela entrega. Se a experiência de conteúdo não for uma coisa que o consumidor só encontra na SmarTV, ele não vai chegar lá. Ele já tem o hábito da Internet no computador e no smartphone”, observa Ana.

Ela acrescenta que a proposta da TV conectada tira o mercado publicitário da zona de conforto do ponto de vista criativo e do ponto de vista de produção. A falta de estatísticas e métricas precisas também é um empecilho para os investimentos.
Ana participou do TV Apps, evento que a Converge Comunicações promoveu em São Paulo nesta quinta-feira, 8. Na ocasião, a Samsung e a Philips anunciaram que em 2013 suas plataformas de publicidade chegam ao Brasil. Os principais modelos são o banner com chamada para landing page, vídeos pré-roll e pré-app (enquanto o aplicativo está sendo executado) e aplicativos desenvolvidos por marcas.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top