Política pública
08/12/2016, 18:12

Manevy deixará a Spcine, Mauricio Ramos será novo presidente

Embora tenha mandato até 2018, Alfredo Manevy colocou o cargo à disposição do futuro prefeito de São Paulo, João Doria Jr., e deve deixar a presidência da Spcine, a empresa municipal de fomento ao audiovisual. No seu lugar deve ficar Maurício Ramos, atual diretor executivo de desenvolvimento econômico da Spcine, que já teria acertado a permanência com o futuro secretário municipal de Cultura, André Sturm.

Manevy foi um dos principais idealizadores e articuladores da criação da empresa, ainda na Secretaria de Cultura, na gestão Juca Ferreira. Foi seu primeiro presidente, nos dois anos iniciais de funcionamento, e deixa como realizações, além das ações de fomento realizadas, inciativas como a film commission e o circuito público municipal de salas de cinema.

Mauricio Ramos

Ramos foi, anteriormente ao trabalho na Spcine, diretor e gestor da VideoFilmes, de João Moreira Salles, por 15 anos, onde produziu e foi produtor executivo de obras como "Central do Brasil" e "Madame Satã", além de coproduzir o longa "Cidade de Deus". Atuou também na distribuição de filmes como "Lavoura Arcaica" e "Uma Noite em 67".

Comentários

2 Comentários

  1. Ana amorim disse:

    Bons gestores.

  2. Fábio Negro disse:

    a SPCine nasceu como uma resposta maravilhosa àquela pergunta: "que grande empresa ainda não está sendo construída?".

    Parece muito bem e caminhada e, quaisquer que sejam seus ptesidentes, já está nos trilhos.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top