OUTROS DESTAQUES
Guerreiro: TV por assinatura deve usar infra-estrutura compartilhada
quarta-feira, 09 de janeiro de 2002 , 21h05 | POR REDAÇÃO

Analisando a situação do mercado de TV por assinatura, o presidente da Anatel, Renato guerreiro, avalia que o problema está no "peso" da infra-estrutura construída, e propõe que as operadoras se concentrem apenas na prestação do serviço, e não sejam necessariamente as detentoras dos meios. A divisão do negócio propugnada por Guerreiro levaria as empresas a investirem menos em infra-estrutura, aproveitando o que já existe nas operadoras de telefonia ou nas prestadoras de serviços de rede corporativa. Guerreiro considera que isso tornará o serviço de TV por assinatura mais acessível à capacidade de pagamento do cidadão brasileiro: "É preciso quebrar o círculo vicioso em que as empresas de TV por assinatura não podem baixar mais seus preços porque não conseguem suportar o fluxo de caixa exigido por seus compromissos e ao mesmo tempo não conseguem fazer crescer sua base de clientes porque não conseguem baixar os preços. A quebra deste círculo passa pela alienação da infra-estrutura atualmente de propriedade dos prestadores de serviços de TV por assinatura para grandes empresas de infra estrutura".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top