OUTROS DESTAQUES
Programação
NeoTV cobra agilidade nas decisões sobre direitos esportivos
quarta-feira, 09 de junho de 2004 , 18h52 | POR REDAÇÃO

A associação NeoTV está protestando, por meio de nota à imprensa, contra a demora em uma deliberação do Sistema Brasileiro da Concorrência em relação ao processo pedindo a quebra da exclusividade do canal SporTV. Diz a associação na nota que, mais uma vez, o Campeonato Brasileiro começou sem que suas operadoras associadas pudessem ter acesso à programação. Alega que 32% das partidas em 2003 não foram televisionadas e apenas 10% puderam ser vistas
na rede aberta, números que aumentariam se "mais operadoras de TV por assinatura transmitissem os jogos". A NeoTV entrou com a ação em 2001 tentando mostrar que a Globosat tem total controle da programação esportiva. "Os valores oferecidos pelas duas companhias (Globosat e Globo) impossibilitam que outra rede, seja aberta ou paga, participe da concorrência (pelos direitos)".
A pressão da NeoTV vem em um momento em que a SDE finaliza as análises sobre diferentes casos envolvendo direitos esportivos. De qualquer maneira, mesmo depois da análise da SDE, o caso ainda vai para discussão no Cade, que é quem toma a decisão final.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top