OUTROS DESTAQUES
Estratégia
Para ITSA, faltou conteúdo para pacote popular
quinta-feira, 09 de outubro de 2003 , 19h33 | POR REDAÇÃO

A ITSA (TV Filme) é a pioneira na comercialização de pacotes pré-pagos e uma das pioneiras na venda de pacotes populares na TV por assinatura brasileira. A empresa também tem uma opção de venda de um produto auto-instalável. A lógica dizia que, quando um pacote pré-pago, de baixo custo e auto-instalável fosse oferecido, as vendas, sobretudo nas camadas menos abastadas da população, deveriam ser fantásticas. A prática, contudo, foi diferente. Segundo Hermano Albuquerque, presidente da empresa, a combinação dessas novidades ajudou a fidelizar a base, deu maior flexibilidade ao assinante, mas não contribuiu para que a classe C se tornasse mais representativa na base da ITSA. A razão para esse comportamento fora da lógica esperada, segundo o executivo, é a falta de conteúdo que motivasse o assinante a assinar TV paga. Hermano Albuquerque lembra que nessa faixa da população a competição com a TV aberta é muito forte e o conteúdo precisa ser diferenciado. "É preciso ter conteúdo local, não tem como fugir disso. Não dá para querer oferecer CNN em inglês para o assinante de baixa renda. Sem esse conteúdo, não é possível vender para a classe C".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top