Programação
09/11/2005, 18:37

Rio 2007 ainda não sabe quem gerará imagens

POR EDIANEZ PARENTE

A aproximadamente 600 dias da realização dos XV Jogos Pan-Americanos, a Rio 2007 ainda não tem definida a produtora – o chamado "host-broadcaster" – que deve gerar no mínimo 700 horas de imagens de TV ao vivo, mais dois boletins diários de 40 minutos (imagens pré-gravadas) para as emissoras que compraram ou vierem a adquirir os direitos de transmissão. Inicialmente previsto para sair em setembro, o edital de licitação internacional para a empresa que vai gerar as imagens ainda não foi publicado pelo CO-Rio, o Comitê Organizador do Pan 2007. Leonardo Gryner, diretor geral da Olympo, empresa de marketing do COB (Comitê Olímpico Brasileiro) e que negocia os direitos do evento, admite o atraso, mas diz que ele não compromete as transmissões do evento, uma vez que ainda está dentro do prazo e o edital deve sair em breve. Até agora, os direitos do evento só foram negociados com emissoras brasileiras, mesmo porque a contratação de um agente para negociar as vendas do Pan no mercado internacional só podem ocorrer após a definição de quem vai operacionalizar as transmissões A agência que vai vender os direitos no exterior também será escolhida mediante licitação.
No Brasil, Globo (com SporTV), Record, Band (inclui Bandports) e ESPN Brasil vão ter o evento, que rendeu em direitos de TV quase o dobro do estava previsto em meta, segundo Gryner. Ele diz que, com a venda ao mercado externo, espera-se obter mais US$ 5 milhões em direitos. Cabe ressaltar que o montante não leva em conta os EUA, uma vez que o mercado norte-americano de TV desde 1991 não tem se apresentado como comprador do Pan.
Leonardo Gryner afirma que a entidade não ofereceu os direitos de TV em caráter de exclusividade para ninguém, pois tem o compromisso de levar as transmissões ao maior público possível. Pelo mesmo princípio, a Rio 07 não foi vendida para a Internet – o próprio COB vai oferecer imagens no seu site, mas não em tempo real. Também não foi feito nenhum acordo de transmissão para telefonia celular, mesmo com a Oi sendo uma das patrocinadoras do evento – que tem ainda Olympikus, Caixa, Kaiser, Petrobras e Sadia como patrocinadores oficiais.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top