OUTROS DESTAQUES
Eleições
Projeto que impõe programas políticos à TV paga não empolga
quarta-feira, 10 de abril de 2002 , 18h20 | POR REDAÇÃO

A audiência publica da Comissão de Comunicações da Câmara que discutiu o projeto que institui a propaganda eleitoral gratuita na televisão por assinatura teve pouca participação. Durante toda a audiência, estiveram presentes apenas o presidente da comissão, deputado Nárcio Rodrigues (PSDB/MG), que também é relator do projeto, e o deputado Santos Filho (PFL/PR), que assumiu a presidência da reunião. Nem mesmo os autores do projeto, os deputados petistas Milton Temer (RJ) e João Paulo (SP), estiveram presentes. Falaram na audiência José Francisco Araújo Lima, vice-presidente da ABTA; Marconi Maia, gerente geral da superintendência de comunicação de massa da Anatel; Rosamélia Girão, da Sky; e Philippe Boutaud, diretor geral da DirecTV. Não houve voz favorável ao projeto. O deputado Santos Filho também se manifestou contra o projeto, argumentando que o espírito da propaganda eleitoral gratuita é o de disponiblizar as informações ao eleitor, e não obrigá-lo a assistir.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top