Mídia
11/11/2009, 20:16

RedeTV! investe na nova sede e se prepara para mudanças no setor

POR FERNANDO LAUTERJUNG

"A TV não pode ter medo da Internet e achar que o broadcast vai ser sempre o da NBC dos anos 80", diz o presidente da RedeTV!, Amílcare Dallevo. É por isso, explica, que a emissora colocou todo o seu conteúdo na Internet e passou a produzir totalmente em alta definição há três anos, o que exigiu a compra de cem câmeras novas apenas para o jornalismo. "A gente não quer crescer da forma tradicional, queremos crescer de forma subversiva", disse o executivo em encontro com a imprensa nesta quarta, 11. O canal adota uma nova imagem institucional, trocando o slogan "a rede de TV que mais cresce" pelo "em rede com você". Além disso, passa a se denominar como rede de comunicação, e não mais apenas de TV. "A concorrência gostaria de parar o tempo, ou ainda voltar um pouco", diz Dallevo. "Há três anos era inconcebível um programa como o 'Pânico' conseguir a liderança no domingo", completa.
Nova sede
A RedeTV! inaugura oficialmente sua nova sede nesta sexta, 13. Conforme adiantou matéria da revista Tela Viva de agosto, a mudança é parte da estratégia da emissora em investir mais na produção de conteúdo próprio. Segundo o vice-presidente da emissora, Marcelo de Carvalho, foram investidos R$ 60 milhões na nova sede, "que não vieram de igreja, TeleSena ou do BNDES". Questionado se não recebe dinheiro do pastor RR Soares, que compra parte do horário do canal, Carvalho diz que "o horário comercializado está em extinção". Além disso, diz, não depende deste dinheiro para "fechar as contas" no fim do ano. A estratégia é aumentar a produção de dramaturgia, voltou a afirmar Carvalho, com séries semanais e séries curtas. "A novela ainda é um gênero com muita audiência, mas decadente", diz Carvalho, justificando o investimento em outras fórmulas. "Em novela, ninguém vai bater a Globo", completa. Depois do afago, diz que não haverá outra Globo no Brasil. Nem mesmo a própria Globo será mais tão grande, diz o executivo.
Também no dia 13, deve anunciar sua nova programação, que ganhará um pacote de jornalismo e esportes, um pacote de desenhos, dois game shows ("No tanque dos tubarões" e "O último passageiro", este último da Endemol) e duas séries (a nacional "Operação de Risco", da produtora Medialand, e outra internacional, ainda mantida em segredo). Todos os programas estreiam logo após o carnaval, em março. Há ainda um projeto de dramaturgia interno que deve estrear no segundo semestre.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top