Mercado
12/11/2015, 06:39

Audiovisual contribuiu com R$ 22,2 bilhões para a economia brasileira em 2013, aponta estudo da Ancine

A Ancine publicou nesta quarta, dia 11, nova edição do relatório de valor adicionado pelo setor audiovisual. O documento aponta que o segmento foi diretamente responsável por 0,54% do PIB brasileiro em 2013, contribuindo com R$ 22,2 bilhões. O estudo foi apresentado em primeira mão no TelasFórum, em São Paulo.

O valor representa um crescimento real de 4,1% em comparação com o ano de 2012, e de 65,8% em comparação com 2007, quando o estudo começou a ser publicado. Ao longo deste período, a média de crescimento anual é de 8,8%, superior à média de todos os setores juntos.

Segmentos

O relatório indica um aumento expressivo da participação das operadoras de TV por assinatura no valor adicionado total do setor audiovisual, subindo de 24,3%, em 2007, para 37,5%, em 2013.

Programadoras e outras atividades relacionadas às operadoras elevaram sua participação de 6% para 12,2% no mesmo período. O segmento de exibição cinematográfica também registrou aumento em sua participação, que foi de 1,6% para 3%.

Seguindo o caminho inverso, a participação do setor de TV aberta foi de 63,7% em 2007 para 44,2% em 2013. Os segmentos de produção e pós-produção (3,1% para 2,3%), distribuição (0,8% para 0,4%) e comércio varejista e aluguel de fitas de vídeo e DVDs (0,5% para 0,3%) também registraram redução na sua participação.

O segmento de TV aberta, no entanto, ainda aparece em primeiro lugar em volume de contribuições, com valor adicionado bruto de R$ 9,8 bilhões. Na sequência, aparecem as operadoras de TV paga, com R$ 8,4 bilhões. Desse montante, R$ 4,4 bilhões se referem ao valor adicionado por operadoras via cabo e R$ 3,9 bilhões ao valor adicionado pelas operadoras via satélite.

Metodologia

O relatório utilizou dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Adotando como referência a CNAE (Classificação Nacional das Atividades Econômicas), o estudo considerou como integrantes do setor audiovisual onze atividades econômicas: produção cinematográfica, de vídeos e de programas de televisão; pós-produção cinematográfica, de vídeos e de programas de televisão; distribuição cinematográfica, de vídeos e de programas de televisão; exibição cinematográfica; televisão aberta; programadoras e atividades relacionadas à televisão por assinatura; aluguel de fitas de vídeo, DVDs e similares; comércio varejista de discos, CDs, DVDs e fitas; operadoras de televisão por assinatura via cabo; operadoras de televisão por assinatura via microondas; e operadoras de televisão por assinatura via satélite.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top