OUTROS DESTAQUES
Recapitalização
Globo Cabo ganha fôlego para continuar no jogo, mas cai na Bolsa
quarta-feira, 13 de março de 2002 , 20h54 | POR REDAÇÃO

A forte queda das ações da Globo Cabo nesta quarta-feira, dia 13, que chegou perto de 10% em alguns momentos, foi a resposta do mercado ao anunciado aumento de capital da empresa. Isso, apesar da evidente melhora na estrutura da dívida da companhia. Victor Martins, do Banco Safra, lembra que no final de 2001, a Globo Cabo pagou de juros cerca de R$ 300 milhões – valor superior ao seu EBITDA, de R$ 277 milhões. Agora, com a redução do endividamento para algo em torno de R$ 800 milhões a R$ 1 bilhão, seus gastos com juros cairiam para cerca de R$ 100 milhões. "Isso é muito positivo", comenta o analista do Banco Safra, observando que a companhia tem agora fôlego para continuar no jogo. Para Martins, a queda na Bolsa é temporária – um tempo para que os analistas refaçam as suas contas. Ele acredita mesmo que a questão não seja tanto a provável diluição de capital, mas principalmente a falta de perspectivas de crescimento da própria operação de TV por assinatura nos próximos dois anos. De um lado, devido às limitações de renda dos brasileiros; de outro, à grande concorrência no mercado de banda larga. Martins observa que a base de assinantes não tende a crescer.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top