OUTROS DESTAQUES
ABTA 2008
Para programadores, publicidade é caminho para o crescimento
quarta-feira, 13 de agosto de 2008 , 15h06 | POR REDAÇÃO

Certos de que terão que ceder na negociação dos preços junto aos operadores, que cada vez mais disputam o consumidor oferecendo serviços a custos reduzidos, os programadores de TV por assinatura apontam a publicidade como uma alternativa para a expansão do setor. Para Gustavo Leme, vice-presidente dos canais Fox, "a publicidade é um caminho e temos planos neste sentido, mas se o PL 29 for aprovado, fica inviável", diz. O PL 29 propõe a restrição da publicidade na TV paga a 15% por hora de programação.
Paulo Saad, vice-presidente do Grupo Bandeirantes, também vê na publicidade uma alternativo de crescimento para os programadores e acredita que o ideal seria uma auto-regulação do setor. "Alguns canais da TV por assinatura, principalmente os de filmes, fazem um uso abusivo da publicidade. Temos que melhorar nossa capacidade de vender comerciais, mas com bom senso. Deveríamos nos organizar neste sentido antes mesmo da votação do PL 29", opina.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top