Balanços
13/11/2003, 17:07

Globopar mostra EBITDA positivo no primeiro semestre

POR REDAÇÃO

A Globopar divulgou nesta terça, 12, seus resultados financeiros e operacionais em relação ao primeiro semestre de 2003. Os relatórios não trazem nenhuma novidade em relação ao processo de reestruturação da dívida, que já completou um ano. A empresa apenas informa que as avaliações dos credores (due dilligences) foram concluídas em julho e que no final de setembro a Editora Globo e a divisão de gráfica apresentaram seus planos de reorganização financeira. Em relação aos números, nota-se uma melhora considerável nos resultados financeiros da Editora Globo e da Globosat. A TV Globo teve desempenho, no primeiro semestre de 2003, muito parecido com o desempenho no primeiro semestre de 2002.
As empresas do grupo Globo consideradas no balanço, pelos critérios utilizados neste semestre (que são diferentes dos critérios usados em semestres anteriores), proporcionaram receita líquida de R$ 1,8 bilhão no primeiro semestre, contra cerca de R$ 1,7 bilhão no mesmo período de 2002. O EBITDA, contudo, teve melhora significativa: passou a R$ 266,7 milhões, contra R$ 124 milhões negativos em 2002. Os resultados, este ano positivos, de Globosat, editora Globo e da própria holding Globopar somaram-se ao EBITDA da TV Globo para compor o número.
Em termos de endividamento, a situação da Globopar ainda é complicada. Ela e a TV Globo têm dívidas diretas e garantem débitos no valor de US$ 1,345 bilhão. É por essa razão que, mais uma vez, os auditores independentes (Ernst & Young), dizem em seu relatório sobre o balanço que é preocupante a incapacidade da empresa de arcar com suas obrigações. Também não foram identificados no balanço, pelos auditores, sinais de melhora nesta situação.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top