OUTROS DESTAQUES
Seagram, Vivendi e Canal Plus negociam megafusão
quarta-feira, 14 de junho de 2000 , 23h09 | POR REDAÇÃO

O grupo francês de mídia e telecomunicações Vivendi, controlador do Canal Plus e o grupo canadense de bebidas e entretenimento Seagram, proprietário da Universal Music e dos Estúdios Universal confirmaram a notícia de que negociam uma fusão de US$ 30 bilhões, que criaria um conglomerado capaz de gerar lucros de US$ 65 bilhões por ano. Segundo a agência Reuters, a Vivendi e a sua unidade de Pay-TV, o Canal Plus, estariam dispostos a pagar US$ 70 por ação da Seagram e o negócio seria fechado ainda nesta semana. O preço seria um prêmio de 32% sobre as ações da Seagram, que na terça, dia 13, estavam sendo negociadas a US$ 53 no Dow Jones. Baseados nos dados do Standard&Poor´s MarketScope, que calcula que hajam 435 milhões de ações da Seagram circulando, analistas estimam que o valor do negócio supere os US$ 30 bilhões.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top