Programação
14/08/2008, 20:27

CineBrasil TV acerta distribuição com antenistas comunitários

POR SAMUEL POSSEBON

A empresa Conceito A, programadora do canal CineBrasil TV (dedicado a filmes e produção independente nacional), e a Abetelmin (associação que reúne os antenistas comunitários) firmaram acordo de distribuição imediata do canal para 250 mil usuários dos serviços dos associados da Abetelmin, ao custo de R$ 0,37 por usuário. Trata-se da primeira formalização de contrato entre um programador e a associação, cujos operadores atuam em comunidades carentes e áreas com pouca ou nenhuma infra-estrutura de serviços, especialmente favelas.

Protesto

O detalhe é que a carta de intenções foi encaminhada ao conselho diretor da Anatel como uma forma de cobrar da agência a resolução que regularize a situação dos operadores. O assunto foi tratado na Consulta Pública 660 de 2006, que previa a possibilidade de convênios com operadores de cabo para a prestação dos serviços.
A Conceito A protesta também pelo fato de ter hoje uma base representativa de apenas 2,7% dos assinantes brasileiros, percentual que já foi de 13,4% no passado, segundo a empresa, antes de "aquisição de operadoras que nos veiculavam".
A carta de intenções com a Abetelmin é também uma carta de protesto. Ela acusa o "bloqueio de mercado existente na TV por assinatura" e as "aquisições de operadoras que o veiculavam (o canal CineBrasil TV) por operadora associada ao maior grupo de mídia do país, que limita a veiculação de canais com conteúdo nacional".

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top