OUTROS DESTAQUES
Tecnologia
TVA aposta em banda larga e canais sob-demanda
terça-feira, 15 de outubro de 2002 , 22h37 | POR REDAÇÃO

Com uma solução tecnológica desenvolvida internamente, a TVA encontrou uma alternativa para fazer pay-per-view, vender temporariamente upgrades de pacotes, oferecer mais banda por um período restrito aos seus assinantes de cable modem e permitir ao seu assinante o bloqueio de canais. No caso do serviço de banda larga, a opção chama-se "Pay-per-band", em que o usuário, pelo site da TVA, consegue alterar a sua configuração de velocidade de acesso por diversos períodos de tempo. Com isso, por exemplo, alguém que planeje utilizar o acesso à Internet mais intensamente no final de semana, consegue fazer isso diretamente por uma tela de web, sem precisar ligar para a central de atendimento. O mesmo sistema que permite este auto-gerenciamento, contudo, também está por trás de outras opções que a empresa pretende oferecer. Por exemplo, dar ao assinante a liberdade de bloquear temporariamente um canal à la carte (hoje o Disney Channel é vendido nessa modalidade) ou mudar seu pacote de programação. "A dificuldade de formatação do sistema é a integração de tudo, do cable modem e decoder ao sistema de billing, gerenciamento de assinantes e interface web", diz Matusalem Trevisani, gerente de sistemas da TVA.
A empresa também voltou a demonstrar a tecnologia de voz sobre rede IP. É uma solução simples segundo a TVA, que implica um aumento de custo da ordem de US$ 60 nos cable modems atuais, mas que devem cair bastante com a escala. A TVA, contudo, ainda aguarda a liberação de suas licenças de telefonia por parte da Anatel para poder negociar a interconexão com as empresas telefônicas e definir o modelo de negócios que será seguido.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top