OUTROS DESTAQUES
Mercado
DirecTV reduz novamente previsão de crescimento na AL
quarta-feira, 17 de julho de 2002 , 19h20 | POR SAMUEL POSSEBON

O cenário não está bom para os operadores de DTH na América Latina. Depois da Sky decidir fechar sua operação na Argentina, é a vez da DirecTV Latin America vir com más notícias. A empresa não se desfez de nenhuma operação, mas anunciou o menor crescimento de todos os tempos e reviu sua previsão de crescimento do ano pelo segundo trimestre consecutivo.
Segundo o relatório financeiro da Hughes Electronics, a DirecTV Latin America cresceu apenas 27 mil assinantes no segundo trimestre do ano. No primeiro trimestre (que já havia sido ruim) o crescimento foi de 35 mil. Com isso, chegou a 1,66 milhão de assinantes em toda a região. O número para o Brasil referente ao segundo trimestre ainda não foi divulgado. No primeiro trimestre, contudo, a operação brasileira havia perdido assinantes e registrava 445 mil clientes em sua base.
Outro aspecto negativo dos resultados da DirecTV foi a revisão (para baixo) da previsão de crescimento para o ano. Em janeiro, a DirecTV esperava adicionar 250 mil assinantes em 2002. Em março, esta previsão foi revista para algo entre 150 mil e 200 mil. Agora, a nova previsão é que o ano não trará mais do que 140 mil novos clientes, podendo ficar em apenas 120 mil.
Para os EUA, a DirecTV não reviu sua previsão de crescimento. No trimestre, houve a adição de 202 mil assinantes no mercado norte-americano, que chegou então à casa dos 10,75 milhões de usuários.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top