TV digital
17/10/2003, 15:16

Minicom entrega minuta de decreto com regras para pesquisa

POR REDAÇÃO

O Ministério das Comunicações entregou à Casa Civil nesta sexta, dia 17, uma minuta de decreto que estabelece políticas para pesquisa de TV digital. O decreto trará critérios sobre como serão realizadas as pesquisas. Não há prazo para que o decreto seja publicado. As mais de 30 universidades envolvidas no projeto do Sistema Brasileiro de TV Digital poderão entrar com pedidos de financiamento de pesquisa diretamente ao Funttel, que tem atualmente R$ 80 milhões disponíveis. Os recursos do fundo serão alocados pelo CPqD. As universidades envolvidas estão divididas em cinco grupos temáticos: aplicação; transmissão; middle-ware; compactação e; áudio.
Depois da publicação do decreto, os financiamentos devem começar a sair em 30 ou 40 dias. E as universidades contempladas terão um prazo de um ano para apresentar seu primeiro relatório de trabalho. O ministro Miro Teixeira disse ainda que o trabalho da TV digital será coordenado por três conselhos: comitê de desenvolvimento (composto por um núcleo do Governo); comitê gestor (composto por engenheiros e pesquisadores) e; conselho consultivo (composto por todos os interessados no assunto, como ABTA, Abinee etc).
A reunião realizada hoje teve a participação dos ministros da Casa Civil, José Dirceu, e da Educação, Cristovam Buarque, e representantes do grupo de trabalho. Miro explicou que os resultados das pesquisas feitas pelas universidades brasileiras serão comparadas aos três padrões de TV digital já existentes. Miro afirmou ainda que o grupo de trabalho recebeu uma série de contribuições, inclusive dos ministérios envolvidos. O MEC sugeriu a criação de uma rede universal de educação à distância e o Ministério da Cultura sugeriu a inclusão de produção de conteúdo regional.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top