OUTROS DESTAQUES
Poucas proponentes habilitadas na licitação de radiodifusão I
quarta-feira, 17 de dezembro de 1997 , 23h30 | POR REDAÇÃO

Apenas 37% das proponentes para os editais de radiodifusão foram habilitadas. Especificamente na habilitação para as emissoras de televisão a situação foi ainda mais grave. No lote 1, para o qual foram publicadas no Diário Oficial desta quarta, dia 17, a relação das proponentes habilitadas, estavam previstas emissoras de televisão para as cidades de Recife, Rio Branco, Maceió, Macapá, Fortaleza, Divinópolis, Joinville, Mogi das Cruzes, Santos e Palmas. Não houve habilitados para Recife, Macapá, Maceió e Joinville. A surpresa vem por conta da inabilitação de empresas importantes como é o caso dos Diários Associados, cuja experiência em radiodifusão dispensa comentários (controlavam a antiga TV Tupi e ainda têm uma série de emissoras pelo Brasil), ou ainda o grupo Edson Queiroz e a TV Verdes Mares, ambos de Fortaleza, a TV Record e o SBT em Santos.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top