OUTROS DESTAQUES
Decisão brasileira não será apenas técnica
segunda-feira, 18 de fevereiro de 2002 , 18h17 | POR REDAÇÃO

Expressando a certeza de que o Brasil deverá optar pelo sistema que ele representa, o presidente do Fórum ATSC disse que a decisão a ser tomada pelo País não terá apenas o caráter técnico: "A Anatel já se manifestou dizendo que os sistemas são tecnicamente semelhantes e que as diferenças são pequenas. O importante para a decisão serão os aspectos econômicos e sociais, e neste sentido, o ATSC oferece mais vantagens que os outros padrões". Sobre a proposta da Anatel de obter contrapartidas econômicas dos países ou grupos econômicos que representam os sistemas de TV digital, Graves não quis opinar, dizendo apenas que a Zenith e a LG (detentoras da patente do ATSC) já se manifestaram garantindo que vão cobrar menos pelos royalties para a produção no Brasil e ainda vão devolver parte destes valores criando um fundo de desenvolvimento e estímulo da TV digital para o Brasil, fundo este que poderá ser gerido pelo governo brasileiro.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top