Diversidade cultural
18/10/2005, 16:26

Proposta brasileira-canadense é majoritária na Unesco

POR ANDRÉ MERMELSTEIN, DE CANNES, FRANÇA

A proposta capitaneada por Brasil e Canadá foi aprovada com maioria de 151 votos contra dois, e duas abstensões, na reunião preparatória para a Assembléia da Unesco que acontece no próximo dia 20 e que pode aprovar uma convenção internacional sobre a diversidade cultural. O Brasil teve um papel importante no convencimento de muitos países que aderiram à proposta. O ministro Gilberto Gil (Cultura) envolveu-se pessoalmente no diálogo com alguns países africanos.
A proposta vencedora (mas que ainda tem que ser aprovada em plenário) diferencia os bens culturais dos produtos normais, impedindo que temas como subsídios e taxações sejam usados em negociações comerciais na Organização Mundial do Comércio, por exemplo.
O grande derrotado, até agora, são os EUA, que pregavam uma total liberalização da indústria cultural, evidentemente visando facilitar a penetração de sua produção nos mercados mundiais. O país chegou a enviar a secretária de estado Condoleeza Rice à reunião preparatória para garantir sua posição, mas acabou suplantado pela proposta vencedora.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top