Televisão
19/08/2008, 19:11

Cultura cria programadora e instituto de pesquisa

POR REDAÇÃO

A Fundação Padre Anchieta (FPA), mantenedora da TV Cultura de São Paulo, anunciou nesta terça, 19, o lançamento da Cultura Data, sua unidade de negócios em pesquisas. Ainda em agosto a fundação lançou também a programadora Cultura Canais e a Cultura Distribuidora.
A Cultura Data fará pesquisas sob encomenda, para a própria FPA e para clientes externos, e também produzirá duas pesquisas anuais com temas gerais, ligados ao escopo da fundação, que serão comercializadas.
A primeira pesquisa, apresentada hoje, chama-se "Sintonia Jovem – O que pensam e desejam os jovens brasileiros", e está a venda por R$ 3 mil. O diretor de marketing e captação da fundação, Cícero Feltrin, explica que a Cultura Data não fará pesquisa de audiência, e nem pesquisa eleitoral.

Programadora

A FPA está mudando a forma como distribui sua programação. Até hoje, a Cultura cedia gratuitamente seus programas a emissoras públicas, e até comerciais, de outros estados. Alguns chegavam a inserir publicidade local, sem que a emissora paulista recebesse qualquer participação. Agora, a Cultura Canais comercializará os conteúdos da TV Cultura, da TV Rá-Tim-Bum e de futuros canais da fundação, tanto para TV aberta quanto por assinatura.
A Fundação Padre Anchieta criou também a Cultura Distribuidora, que cuidará da venda "avulsa" de programas da emissora, tanto no mercado nacional quanto no internacional.
A edição de agosto de TELA VIVA, que circula a partir da próxima semana, traz uma matéria completa sobre a nova estratégia da FPA.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top