OUTROS DESTAQUES
Parabólicas causam perdas de receitas a TVs abertas III
quinta-feira, 19 de dezembro de 1996 , 21h30 | POR REDAÇÃO

Uma das soluções imaginadas pelas grandes redes de broadcast para amenizar estas perdas seria codificar analogicamente o sinal nas regiões que têm grande faturamento com a publicidade local e que respondem pela maior parte da receita. O sinal aberto continuaria, no Brasilsat, como uma superstation, apenas para as regiões não cobertas pelo sinal das redes em VHF ou UHF. Isso implicaria, entretanto, em um remanejamento de transponders no satélite, uma vez que os spots regionais têm hoje outros usos. As redes abertas ficam no spot nacional do satélite, que chega ao Brasil inteiro.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top