OUTROS DESTAQUES
Pesquisa
Estudo aponta hábitos dos assinantes Globosat
quarta-feira, 20 de agosto de 2003 , 16h59 | POR EDIANEZ PARENTE

Acaba de sair o relatório anual Hábitos e Consumo 2003, referente aos canais da Globosat. Como no ano passado, esta edição tem como fonte a Marplan, que entrevistou 11 mil assinantes de TV em nove praças brasileiras. Entre os destaques do estudo, que aborda o perfil e poder de compra dos assinantes dos canais da programadora, a Globosat destaca o seu perfil socioeconômico: 40% dos assinantes têm renda familiar superior a 15 salários mínimos. Ainda, os telespectadores Globosat são, segundo o estudo, na sua maioria masculinos (57%), solteiros (56%) e estão na sua maioria concentrados na faixa dos 20 aos 29 anos (26%). Também, a escolaridade do telespectador Globosat está 39% concentrada no nível médio (37% têm nível superior).

Canais

Quanto aos índices de audiência dos canais aferidos pelo Ibope, o estudo enumera algumas curiosidades: "Gladiador", exibido pelo Telecine Premium em janeiro de 2001, é até hoje o filme de maior audiência da TV paga, tendo atingindo cerca de 440 mil assinantes. Em 2003, o filme de maior audiência até aqui foi "Matrix", exibido em 2 de maio último pelo TNT e assistido por quase 280 mil assinantes. Mas o recorde de audiência na TV paga fica por conta de um evento esportivo: a final do Mundial de vôlei em 2002, entre Brasil e Rússia exibida pelo SporTV, que atraiu quase 800 mil assinantes. Aliás, as 15 maiores marcas de audiência esportiva na TV paga são todas do SporTV – entre partidas de futebol, vôlei e tênis, aferidas desde 2001. A segunda maior marca de audiência, também aferida em 2002, foi no canal Multishow, com o programa "Big Brother".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top