OUTROS DESTAQUES
Lei do Audiovisual deve ser mexida
quarta-feira, 23 de janeiro de 2002 , 21h24 | POR REDAÇÃO

Uma outra questão que está sendo avaliada pela Ancine é a possibilidade de mudanças na Lei do Audiovisual. Isso tem a ver com a questão da Condecine de 11% sobre remessas ao exterior. Para que os programadores evitem essa cobrança, a única forma é investir em produção nacional independente, de acordo com o Artigo 3º da Lei do Audiovisual. Acontece que o artigo só fala em filmes de longa-metragem. O que está sendo negociado com a Ancine é uma forma de mudar a Lei do Audiovisual de forma a contemplar também outros formatos, como telefilmes, séries, mini-séries, documentários etc, que possam ser melhor reaproveitados pelos canais de TV paga.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top