Publicidade
23/01/2015, 16:39

Facebook rastreia anúncios do Super Bowl para criar audiência própria

POR REDAÇÃO

O Facebook está criando sua própria audiência para comercializar anúncios relacionados ao Super Bowl. Para isso, a rede social está rastreando posts, atualizações e likes relacionados ao evento, que acontece nos Estados Unidos no dia 1º de fevereiro.

Segundo o Ad Age, a empresa reunirá informações de usuários que postam conteúdo relacionado ao evento, assim como das mais de 50 milhões de pessoas que já interagiram com o tema no ano passado. As marcas poderão pagar para oferecer anúncios para esse público selecionado.

Pessoas que curtem páginas de atletas como Peyton Menning, ou mesmo de provedores de conteúdo como a ESPN, passarão a integrar a audiência do Facebook para o evento.

Com isso, a rede social, ainda que não tenha direitos de transmissão do Super Bowl, pode atrair dois tipos de anunciantes: aqueles que pagaram cerca de US$ 4,5 milhões por 30 segundos de comercial na TV e desejam reforçar sua campanha; e aqueles que não pretendem pagar esse valor mas desejam beneficiar-se da audiência do evento.

A prática da rede social de criar targets a partir de páginas de grupos de mídia e canais de televisão não é bem vista no mercado. Em 2013 o Grupo Globo condenou a prática, o que levou à retirada de suas marcas do Facebook. À época, o grupo alegava que concorrentes e anunciantes poderiam atingir o target da Globo via rede social, sem que houvesse qualquer tipo de remuneração às empresas do grupo.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top