Retificação
29/07/2008, 19:38

Proposta da Abril para Sky não previa canais gratuitamente

POR REDAÇÃO

Uma informação imprecisa foi coloca por este noticiário ao noticiar a decisão do Cade de não aceitar um recurso apresentado pela Abril para que fosse reavaliada a denúncia feita pelo grupo de suposta ingerência da Globo na compra de conteúdos nacionais pela operadora de TV por assinatura Sky. Este noticiário escreveu equivocadamente que "a reclamação da Abril foi provocada porque a Sky recusou-se a adquirir os canais Fiz e Ideal, mesmo depois de o grupo oferecê-los de graça à operadora de TV por assinatura". O caso é mais complexo. O que houve é que no processo de negociação dos canais da Abril (MTV, Ideal e FizTV), foi colocado para a Sky um aumento de preço no canal MTV e a negociação combinada com os outros dois canais. De outro lado, havia na mesa também uma proposta de permuta publicitária para Sky na própria MTV e em veículos impressos do grupo Abril, de forma a compensar o aumento. A Sky não aceitou a proposta e retirou o sinal da MTV do ar, exceto na cidade de São Paulo. A disputa agora é se o sinal deve ou não ser retirado também nessa cidade.

Comentários

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

© 0-2017 Save Produções Editoriais. Todos os direitos reservados.
Top