OUTROS DESTAQUES
Renegociação da Net
Operadora repete que acertou termos econômicos da dívida
quarta-feira, 31 de março de 2004 , 19h39 | POR REDAÇÃO

A Net Serviços repetiu nesta quarta, 31, em conferência na Apimec (Associação de Analistas do Mercado de Capitais), em São Paulo, a afirmação que havia feito a jornalistas: concluiu a etapa de acertos dos termos econômicos de sua renegociação com os credores e espera, agora, o fim da formalização desse processo. A Net Serviços, entretanto, deu algumas referências do que pode-se esperar dessa renegociação. Ao ser questionada sobre o volume de ações que pretendia emitir, a Net disse que ainda não é possível dar esse número mas afirmou que a reestruturação busca uma relação entre dívida líquida e EBITDA em torno de 2,5 vezes. Esse indicador, que já esteve em 7, é hoje de 3,7. A dívida líquida da empresa é de R$ 1,14 bilhão e o EBITDA é de cerca de R$ 300 milhões.
A Net Serviços também foi questionada em relação à grande volatilidade de seus papéis, que chegam a cair, segundo um acionista, cerca de 12% em um dia (já caíram muito mais que isso em algumas ocasiões). Leonardo Pereira, diretor financeiro, disse que a empresa não gosta que seus papéis nem caiam nem se valorizem demasiadamente em um único dia, mas que isso não pode ser impedido pela empresa. "Tenham certeza que essas variações não acontecem por atitudes da gerência da companhia".

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top