OUTROS DESTAQUES
Rainha assina decisão que pode levar à dissolução do CVC/Opportunity
segunda-feira, 01 de abril de 2002 , 20h42 | POR REDAÇÃO

A rainha Elizabeth II da Inglaterra assinou na última quarta-feira, 27, a sentença do Privy Council (o mais alto tribunal de recursos da Comunidade Britânica) que ratifica a decisão da Justiça de Cayman e dá ao ex-sócio do CVC/Opportunity Equity Partners Ltd, Luís Roberto Demarco, o direito de pedir a dissolução do fundo. Com este ato, a decisão foi transformada em lei e o início do processo de dissolução torna-se iminente. Caso isso aconteça, a gestão de todos os negócios no Brasil ligados direta ou indiretamente ao fundo corre o risco de ser afetada, já que a companhia da qual Demarco pode pedir a dissolução é gestora do CVC/Opportunity Equity Partners LP. Opportunity Zain e Opportunity Mem, por exemplo, são empresas presentes na composição acionária de Brasil Telecom, Telemig Celular, Amazônia Celular e Telemar e que têm em sua composição o CVC/Opportunity Equity Partners LP, que agora pode ficar congelado caso haja o processo de dissolução. Procurados pela reportagem de TELETIME News para comentar os possíveis desdobramentos da decisão, nem o Opportunity, nem Demarco quiseram se pronunciar, sob a alegação de que são obrigados a manter sigilo sobre o processo por decisão judicial.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS

Principal encontro do mercado de satélites brasileiro

31 de agosto a 1 de setembro
Royal Tulip Rio de Janeiro, RJ, Brasil
Top