OUTROS DESTAQUES
Serviços móveis
Claro e PayPal lançam carteira móvel Claro pay
quinta-feira, 01 de dezembro de 2016 , 20h36

A Claro e a PayPal apresentaram a Claro pay (Android), uma carteira digital que funciona como meio de pagamento para assinantes da Claro comprarem recarga para pré-pago através de seus smartphones, além de terem acesso a ofertas e outros serviços. O pagamento é feito com PayPal.

Para as empresas, a ideia da plataforma é ajudar a aumentar a base do PayPal no Brasil que possui 100 mil comerciantes e 3 milhões de usuários cadastrados, como adiantado no anúncio da parceria em fevereiro deste ano. Para os consumidores, o intuito do app é dar soluções em um único espaço, como um marketplace ou "hub de facilidades", como disse o diretor de marketing da operadora, Rodrigo Vidigal.

"Temos uma proposta diferenciada: primeiro, essa solução permite que a pessoa tenha o PayPal e possa fazer recarga, pedir delivery, ter uma série de serviços. E, isso elimina a necessidade de uso de muitos apps e perda de espaço (armazenamento) no smartphone do consumidor", afirmou o executivo da Claro.

No Claro Pay, o usuário baixa o aplicativo na Google Play e acessa com (ou cria) sua conta do PayPal para efetuar os pagamentos por dentro da plataforma. Diretamente pelo app, os usuários podem apenas recarregar seus celulares, programar uma recarga e solicitar créditos para familiares.

Além da recarga, os usuários poderão pagar outros dois serviços por meio da plataforma: entrega de refeições com o Clube de Entregas e compra de passagens com o Brasil By Bus. Para esses dois serviços, embora o pagamento seja feito pelo PayPal, a plataforma apenas "espelha" o site mobile dessas empresas, mas a compra é finalizada no app. Outro diferencial para os consumidores da Claro são as ofertas exclusivas.

Vidigal ressalta que não haverá cobrança de dados para acessar a carteira digital e em breve deverá ganhar uma versão para dispositivos com iOS. Vale lembrar, que o Brasil é o primeiro país a receber essa novidade fruto da parceria entre as duas empresas.

Futuro do app

O diretor de novos negócios da PayPal, Thiago Chueiri, disse que o app em uma segunda etapa deve ganhar uma gama maior de serviços e, ao mesmo tempo, ajudará a entender melhor o comportamento de seus usuários. O uso de NFC para pagamento por aproximação não está nos planos por enquanto.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top