OUTROS DESTAQUES
Serviços corporativos
Oi lança solução corporativa para trabalho remoto
segunda-feira, 03 de novembro de 2014 , 16h53 | POR BRUNO DO AMARAL

De olho no mercado corporativo, a Oi anunciou nesta segunda-feira, 3, o lançamento da solução única de trabalho remoto Smart Office. A plataforma integrada oferece controle de jornada e produtividade de colaborador em esquema de home-office, levando soluções de biometria, conectividade à Internet com redundância 3G ou 4G, conexão segura (VPN) entre ambiente residencial e rede corporativa, comunicação unificada e aplicações corporativas em cloud, como e-mail e sharepoint.

A solução foi criada para atender a uma demanda por trabalho remoto no País. Segundo o diretor da unidade de negócios B2B da Oi, Maurício Vergani, no mercado norte-americano há grande adoção, mas no Brasil o ritmo é bem mais lento por causa da necessidade de atendimento à legislação trabalhista brasileira. A Smart Office traz uma plataforma de gerenciamento de folha de frequência de empregados, contando ainda com um hardware de leitor de digitais que faz a autenticação biométrica do funcionário para garantir a segurança e servir como ponto automático. "A gente pesquisou uma solução que consegue resolver (o problema) com 100% de compliance com legislação trabalhista, além de uma infraestrutura que não dê problema".

Essa infraestrutura é por meio de conexão fixa com redundância móvel. O acesso fixo, diz Vergani, independe da localidade. "É uma conexão de banda larga: é da Oi onde tem rede da Oi, onde não tem, utilizamos de outra operadora (alugando infraestrutura)", afirma. Ele garante que não é necessário links de alta capacidade em fibra, e que 5 Mbps é o suficiente. "É indiferente porque, como monta uma VPN, é uma solução completamente agnóstica."

A conexão de backup pela rede móvel é oferecida em 4G onde há cobertura da Oi, e em 3G nos demais locais. Vergani destaca que, em vez de oferecer um modem no estilo pendrive para esse acesso de redundância, o SIMcard é inserido direto no roteador oferecido na solução, retransmitindo o acesso por meio de Wi-Fi da mesma forma como faz com a conexão fixa.

Acesso especial

O executivo explica ainda que a operadora não fornece uma solução voltada especificamente para plataformas móveis, embora todas as ferramentas estejam "prontas para o acesso mobile". Ele explica que as companhias costumam fornecer computador para os funcionários, e que é possível ainda fornecer o sinal de Wi-Fi para dispositivos como tablets e smartphones também. "O que vai definir se o cliente vai usar ou não é a política de segurança dele, pois há empresas com restrições para dispositivo móvel".

Maurício Vergani enxerga casos de uso como para call centers, sobretudo em situações específicas como na contratação de funcionários com necessidades especiais. "O call center hoje precisa ter cota de pessoas especiais, e você poder deixar essa pessoa trabalhando em casa e ter acesso ao sistema é uma ótima oportunidade para facilitar o acesso".

Disponibilidade

O Oi Smart Office, que tem como parceiros de soluções empresas como Unify e Microsoft, está sendo lançado nesta segunda-feira ao preço de R$ 370 reais para a solução completa. O serviço conta com atendimento unificado e integrado e é cobrado em fatura única. De acordo com Vergani, a expectativa atual da companhia é de ter 60 mil usuários em até 18 meses.

COMENTÁRIOS

Nenhum comentário para esta notícia.

Deixe o seu comentário!

EVENTOS
Não Eventos
Top